Archive for the ‘A380’ Category

Novidades em Guarulhos

07/06/2008


Pelo menos uma grande companhia aérea, cliente da Airbus, e que deve receber a sua aeronave entre as próximas entregas programadas, já estuda a utilização do A380 em uma rota para São Paulo. A saturação da rota entre a capital paulistana e Dubai, no Emirados Árabes, estaria fazendo com que os estrategistas da Emirates começassem a se debruçar sobre essa possibilidade. Atualmente, os vôos são cumpridos com os B777-300ER, aviões de última geração. A procura tem sido tão grande que a freqüência passará a contar com mais um vôo – hoje são seis por semana – e os que partem atualmente têm ocupação superior a 80%.

Fonte: JB Online

Anúncios

Executivo da Boeing diz que avião da concorrência não é rentável

01/04/2008

Diretores da Boeing afirmaram, em Santiago, que o mercado aeronáutico internacional não é rentável “nem atrativo” o suficiente para justificar a construção de aviões semelhantes ao Airbus A380, com capacidade para até 800 passageiros.
“Não vale o investimento feito pela concorrência”, disse Randy Tinseth, vice-presidente corporativo da Boeing, em entrevista coletiva concedida na Feira Internacional do Ar e do Espaço (FIDAE 2008), que começou nesta segunda-feira na capital chilena.
Segundo o executivo, o maior avião que a companhia americana já fabricou foi o 747-8, com capacidade para cerca de 400 passageiros.
“Portanto, aproveitem para olhar o Airbus A380 que está na feira porque dificilmente ele voltará para estes lados”, acrescentou Tinseth, arrancando risos da platéia.
Na opinião de Tinseth, a demanda na América Latina vai subir 6,2% em duas décadas, contra 5% no resto do mundo.
“Atualmente, há 800 aviões voando na região, e a expectativa é que, até o fim do ano, este número passe de 1.000”.
Em 2007, a companhia vendeu 198 aviões na América Latina, mais que em 2006 (143 unidades) e em 2005 (151 aparelhos).
As brasileiras TAM e Gol estão entre as companhias áreas da região que mais aviões Boeing compraram nos últimos anos.

Fonte: EFE

A380 contribui para perda de US$ 1 bilhão da Airbus

11/03/2008

O projeto custou mais do que a empresa esperava.

Com isso, o grupo Eads, da qual a Airbus faz parte, teve prejuízo em 2007.
A fabricante européia de aviões Airbus teve uma perda operacional de mais de US$ 1 bilhão no ano passado, apesar de ter registrado uma cifra recorde de pedidos, o que arrastou para o vermelho sua casa matriz, a Eads, indicaram os resultados da empresa divulgados nesta terça-feira (11).
Por causa de problemas por custos superiores ao previsto de seu avião gigante A380 e atrasos em seu avião militar A400M, a Airbus informou perdas de 881 milhões de euros (US$ 1,4 bilhão), um resultado pior que o de 2006, quando as perdas haviam sido de 572 milhões de euros.

A própria Eads ficou no vermelho em 2007, com uma perda líquida de 446 milhões de euros (US$ 684,6 milhões), mas o grupo europeu de aeronáutica e defesa antecipou uma volta ao verde neste ano.
“O ano de 2007 foi difícil e com muitos desafios a superar”, comentou o presidente da Eads, Louis Gallois. A empresa também espera que as vendas ultrapassem os 40 bilhões de euros este ano, contra 39,1 bilhões em 2007.

Fonte: http://desastresaereosnews.blogspot.com/