Archive for the ‘Embraer 190’ Category

Aviões da Embraer vão substituir os Sucatinhas

04/06/2008

A Força Aérea Brasileira (FAB) assinou nessa semana, um contrato, no valor de R$ 168 milhões, para a compra de dois jatos Embraer 190. As aeronaves da fabricante brasileira substituirão os dois Boeing 737 200, conhecidos como Sucatinhas, que servem à Presidência da República há 32 anos e serão aposentados. O primeiro jato Embraer 190 será entregue à FAB, em março de 2009, e o segundo, em novembro. Em cerimônia na sede da Embraer, em São José dos Campos, o comandante da Aeronáutica, brigadeiro Juniti Saito, disse que em razão do longo tempo de uso a operação dos “bravos 737” tem se mostrado “inviável”. Junto com a obsolescência dos equipamentos, Saito admitiu que panes freqüentes nas duas aeronaves pesaram na decisão de aposentar os velhos modelos. “Ultimamente estavam dando algumas panes, que nos levaram à decisão de trocá-los”, afirmou. Semana passada, na viagem do presidente Lula a El Salvador, na América Central, um dos Boeing, que transportava três ministros, além da equipe de apoio presidencial, apresentou rachaduras no pára-brisas e teve que retornar à capital salvadorenha. Para atender à Presidência, aos Ministérios e também transportar autoridades dos poderes Judiciário e Legislativo, os novos jatos ganharão configuração especial. Segundo Frederico Fleury Curado, diretor-presidente da Embraer, em vez de 2,4 mil milhas náuticas (4,44 mil quilômetros), os modelos encomendados pela a FAB terão alcance de 3 mil milhas (5,55 mil quilômetros), o que lhes permitira fazer viagens à Europa, ou aos Estados Unidos, com uma única escala para abastecer. As aeronaves terão 38 assentos e uma área privativa.

Fonte: Aerus

Anúncios

Copa Airlines recebe mais um avião da Embraer e aumenta a frota pra 38 aeronaves

18/04/2008

A companhia aérea Copa Airlines recebeu o 12º avião Embraer 190, passando agora a uma frota de 38 aeronaves. Com a chegada deste avião, a empresa dá continuidade ao projeto de expansão e modernização da nossa frota.
– O Embraer 190 nos permite prosseguir a ampliação de nossas rotas, com uma frota mais eficiente, cômoda e atrativa aos nossos passageiros – explica Pedro Heilbron, presidente executivo da Copa Airlines.A aeronave tem capacidade para 94 passageiros, 10 em classe executiva e 84 na econômica.

Fonte: Globo Online

Nova cia aérea vai ser lançada amanhã 27/03/08

26/03/2008

O mistério em torno da empresa aérea que será lançada por David Neeleman será encerrado nesta quinta-feira, às 10h, quando o americano (nascido em São Paulo) faz a primeira entrevista coletiva apresentando o empreendimento no Bar des Arts. Neeleman estará acompanhado de Frederico Curado, presidente da Embraer. A frota da nova companhia, cujo nome provavelmente será escolhido em uma campanha pela internet, será formada por aviões ERJ-190, de 100 lugares, que integravam a carteira de encomendas da JetBlue.

JetBlue "brasileira" vai investir em vôos regionais

17/03/2008

O empresário David Neeleman, fundador da gigante regional americana JetBlue, investirá US$ 200 milhões para a criação de sua companhia aérea no Brasil. Trinta e seis jatos da família 190 da Embraer, com 100 lugares, já estão sendo negociados. E mais 38 aeronaves receberam opção de compra.

A nova companhia vai concentrar suas operações em Viracopos e explorar aeroportos alternativos. Seu modelo de negócios pretende ser intermediário entre a operação das grandes empresas como TAM e Gol e as pequenas companhias regionais. A empresa tem dois públicos-alvo: os brasileiros quem ainda não andam de avião – 10 milhões de pessoas – e quem está desiludido com as companhias brasileiras.
Neeleman quer repetir no Brasil o sucesso da JetBlue, que se tornou conhecida nos Estados Unidos por sua política de tarifas baixas e bom serviço de bordo, com poltronas de couro espaçosas e monitor de TV . Entre as inovações que pretende implantar no país estão as poltronas com fileiras duplas e mais espaço entre os bancos.
Executivo de sucesso, Neeleman também é o inventor do e-ticket, bilhete eletrônico hoje bastante difundido entre as empresas. O empresário tem dupla nacionalidade – é americano, mas nasceu em São Paulo – e por isso pode ser dono de 100% do capital de uma companhia aérea do país. “Ele adora o Brasil e vai investir maciçamente no país”, diz o consultor em aviação Gianfranco Beting, ex- colunista do viajeaqui, que vai assumir a direção de marketing da nova empresa.

Fonte: http://viajeaqui.abril.com.br